A Secretaria de Segurança Pública (SSP) confirmou nesta segunda-feira, 10, que o corpo do piloto Adriano Eugenio de Leon Ribeiro, de 32 anos, já foi liberado neste domingo, 9, pelo Instituto Médico Legal (IML). O corpo da vítima foi encontrado por volta das 11h de ontem após quase 100 horas de buscas numa região de manguezal do bairro Atalaia, em Aracaju.

Ainda segundo a SSP, o corpo foi entregue aos familiares mediante a comunicação de que o exame de DNA pode levar algum tempo até a emissão do resultado.

“A SSP ressalta que a comparação de DNA entre as partes do corpo é mera formalidade para o laudo. Amostras foram recolhidas pelo IML e encaminhadas para o Instituto de Pesquisas e Análises Forenses (IAPF)”, destaca o órgão de Segurança Pública.

Acidente

O acidente aéreo ocorreu no final da manhã da quinta-feira, 6, logo após a decolagem da aeronave de pequeno porte do aeroporto de Aracaju. As investigações do acidente estão sendo conduzidas pelo Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa), vinculado ao Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáutico (Cenipa).

Agradecimento

O esforço das equipes do Corpo de Bombeiros e vários profissionais que atuaram por mais de 100 horas ininterruptas foi reconhecido por familiares do piloto mineiro Adriano Eugenio de Leon Ribeiro, 32. Após buscas, familiares do piloto agradeceram à população de Aracaju.

Fonte: Infonet