A Secretaria de Estado da Saúde (SES) prevê a vacinação contra a Covid-19 de pelo menos 7.106 pessoas com 90 anos de idade ou mais. As doses de vacinas enviadas pelo Governo Federal no último domingo, 7, serão enviadas aos municípios e a imunização dos idosos será iniciada na quarta-feira, 10.

A SES informou que tem acompanhado diariamente o desempenho dos municípios quanto ao ritmo de vacinação desta primeira fase que envolve prioritariamente os trabalhadores de saúde, idosos e indígenas. De acordo com o diretor de Vigilância em Saúde da SES, Marco Aurélio, alguns municípios conseguiram avançar bastante na vacinação e outros, principalmente os maiores, têm tido dificuldade, por apresentarem um grande quantitativo de trabalhadores da área da saúde, precisando identificar aqueles serviços prioritários para essa fase inicial.

Segundo a SES, Sergipe continua na primeira fase de vacinação uma vez que não recebeu todas as doses da primeira fase, mas já alcança o público idoso graças às 23.800 doses da Coronavac recebidas neste domingo. “Estamos avançando à medida que a gente vai recebendo a vacina. Começaremos a vacinar as pessoas com idade a partir dos 90 anos a partir desta quarta-feira, mas também continuaremos com a imunização dos trabalhadores de saúde”, enfatizou.

Marco Aurélio apresentou matematicamente o panorama da vacinação no Estado de Sergipe. Segundo ele, na primeira remessa o Estado recebeu 48.880 doses da Coronavac (Butantã), o que representa a imunização de 24.440 pessoas, já que há a necessidade de se resguardar a segunda dose. Na remessa, seguinte Sergipe recebeu 8.800 doses da Coronavac, o que corresponde a vacinação de 4.400 pessoas, e mais 19 mil da Astrazenica (Fiocruz) para imunizar 9.500 pessoas.

“Recebemos 76.680 doses nas duas primeiras remessas que garantem a vacinação de 47.840 pessoas e os municípios conseguiram vacinar até agora 26 mil. Distribuímos cerca de 45 mil primeiras doses para todos os 75 municípios e, praticamente, todas para a vacinação da segunda dose”, declarou o diretor, informando que a SES armazena apenas das 5% das vacinas, reserva mandada pelo Ministério da Saúde para reposição, quando necessário.

Fonte: SES