O Governo do Estado está intensificando a testagem da Covid-19 em dez municípios, devido à verificação da queda na testagem durante os dois primeiros meses de 2021. O objetivo da iniciativa é acompanhar a situação do território.

Para alinhar os últimos detalhes da testagem, foi realizada uma reunião entre Secretaria de Estado da Saúde, Universidade Federal de Sergipe (UFS), Conselho de Secretários Municipais de Saúde (Cosems), Laboratório Central de Saúde Pública de Sergipe (Lacen) e os 10 municípios contemplados.

A testagem já inicia nesta quinta-feira, 4, com o município de Pacatuba; sexta-feira, 5, Pinhão; no sábado, 6, em Itaporanga; na segunda, 8, Malhador; na terça, 9, Frei Paulo, na quarta, 10, Pirambu; na quinta, 11, Amparo do São Francisco; na sexta, 12, General Maynard; no sábado 13, Maruim e na terça-feira, 16, em São Francisco.

O diretor de Vigilância em Saúde, Marco Aurélio Góes, explica que serão realizados testes rápidos, além de testes RT-PCR na população contemplada. Os testes serão processados pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Sergipe (Lacen). “Com o aumento de casos acontecendo em outros estados e a circulação de novas variantes, é importante que se teste mais, tente identificar as pessoas positivas para poder aumentar o isolamento e, consequentemente, diminuir a transmissão”, destaca.

O representante do Comitê Científico da UFS, professor Lysandro Borges, considera de extrema importância fazer a triangulação para compreender o que está acontecendo nesses 10 municípios que apresentam uma crescente no número de óbitos. “Depois pensamos em expandir para outros municípios“, finaliza.

Logística

A SES distribuirá os exames e processará os testes através do Lacen, disponibilizará o meio de transporte e o material para a coleta, enquanto a UFS levará a equipe para fazer a coleta. Já os municípios auxiliarão nessa logística, recepcionando e mobilizando a população.

Com informações da SES