Sergipe registrou 80 novos casos de covid-19 nesta quinta-feira (6), conforme Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (SES). O número representa um aumento de mais de 500% quando comparado com o dia anterior, quarta-feira (5), quando 13 novos casos foram confirmados. Esse foi o maior índice desde o dia 31 de dezembro, quando 23 novos casos foram registrados. 

Apesar do aumento exponencial dos casos, o  número de mortes pela doença não apresentou tanto crescimento. A média tem se mantido em um óbito por dia. No entanto, desde a penúltima semana do mês de dezembro os registros de internamento por covid-19 cresceram, reduzindo somente nas primeiras semanas de janeiro. 

Na semana do dia 21 a 28 de dezembro, os internamentos se mantiveram em uma faixa de 15 para cima, atingindo a máxima no dia 28, com 30 internamentos, sendo oito na rede pública e 22 na rede privada de saúde.

Conforme o último boletim da Secretaria, neste momento oito pessoas estão internadas por complicações da covid-19: cinco na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da rede pública, e outras três na UTI da rede privada. No total, o estado conta com o acumulado de 278.650 mil casos e 6.060 óbitos pela doença. 

Também estão aumentando os números de amostras para a covid-19 e influenza H3N2 em Sergipe, conforme apontou o superintendente do Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), Cliomar Alves, em entrevista à TV Sergipe nesta sexta-feira (7). 

Segundo o gestor, o laboratório registrou crescimento de 300% no número de amostras testadas nas últimas duas semanas, correspondente ao número de pessoas sintomáticas nas unidades de saúde, que estão realizando exames. 

Ainda conforme o superintendente, as amostras são testadas para covid-19, mas nem todas para H3N2. Somente casos graves, óbitos e surtos são testados para os dois vírus. 

Influenza 

Os casos de gripe continuam crescentes no Estado. Segundo dados da SES, desde as primeiras amostras positivas, em dezembro de 2021, já foram identificadas 691 positivas, sendo 655 Influenza A H3N2, e 36 Influenza A não subtipado. Ainda conforme a pasta, o vírus Influenza A já foi isolado em 65,3% dos municípios sergipanos, ou seja, em 49 cidades. 

Entre os casos identificados até o dia 04 de janeiro, foram confirmados 26 óbitos, que ocorreram em 15 municípios: Aracaju (06), Itabaianinha (03), Estância (02), Tobias Barreto (02), Tomar do Geru (02), Umbaúba (02), Arauá (01), Barra dos Coqueiros (01), Carmópolis (01), Indiaroba (01), Itaporanga d’Ajuda (01), Japaratuba (01), Nossa Senhora do Socorro (01), Porto da Folha (01) e São Domingos (01).