Professores da rede estadual de Sergipe estão reunidos em protesto na entrada do plenário da Assembleia Legislativa (Alese). A mobilização começou nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira, 31.

Os deputados estão apreciando neste momento um dos projetos de lei do Governo de Sergipe que busca isentar da contribuição previdenciária quem ganha até dois salários mínimos por mês. Já de acordo com o Sindicato da categoria (Sintese), os manifestantes exigem o fim do desconto previdenciário de 14% para todos os professores aposentados que recebem até o teto do INSS, que é de R$7.087,24.

“São dois anos de massacre, não aguentamos mais. Por mês estamos tendo descontados de nossas aposentarias em média 700 reais. Isso está desestabilizando não só nossa vida financeira, mas nosso emocional, nossa dignidade”, desabafa a diretora do departamento das aposentadas do Sintese, Maria Lúcia.