O Governo do Estado cresceu em sua transparência e cinco órgãos do Estado receberam nota máxima (10,0) na avaliação do Tribunal de Contas do Estado de Sergipe (TCE/SE), referente ao ano de 2020.

Foram eles a Secretaria de Educação, Cultura e Esportes (Seduc), Secretaria de Estado da Agricultura, Desenvolvimento Agrário e Pesca (Seagri), Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e da Ciência (Sedetec), Empresa Sergipana de Tecnologia da Informação (Emgetis) e Empresa de Desenvolvimento Sustentável de Sergipe (Pronese).

O TCE/SE também recebeu nota máxima. Além destes, outros 27 órgãos receberam nota acima de 9,0 na avaliação no tribunal, que realizada anualmente.

“É com imensa satisfação que recebemos esse resultado, onde o Tribunal concedeu nota 10 para a transparência de alguns dos órgãos, e tantos outros também receberam notas altas. Tudo isso é fruto de trabalho e empenho, para que toda a sociedade tenha conhecimento das ações do Governo”, ressaltou o governador Belivaldo Chagas.

A pontuação máxima se refere à métrica/matriz de transparência pública que avalia uma série de medidas e diretrizes disponíveis para que todos tenham acesso, a exemplo de despesas, receitas, estrutura organizacional, licitações e contratos, relatórios, dados dos recursos humanos, além de boas práticas em transparência, entre outros itens.

A avaliação do TCE/SE é baseada nas resoluções internas sobre o tema e também nos aspectos exigidos pela Lei de Responsabilidade Fiscal e pela Lei de Acesso à Informação.