O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) mencionou a intenção de “ficar livre” da Petrobras. Segundo o chefe do Executivo, apesar de ele não poder interferir na estatal, a população o culpa pela alta no valor dos combustíveis. As declarações ocorreram durante entrevista à Jovem Pan Curitiba, divulgada no sábado (6/11).

“Quando o preço aumenta nos Estados Unidos, culpam o Joe Biden ou Trump; aqui culpam a mim. Eu não tenho como interferir no preço da Petrobras. Se eu interferir, vou responder por crime, eu e o presidente da Petrobras. A gente quer resolver o problema, mas não queremos o problema pra nós também. O ideal é ficar livre da Petrobras, privatizá-la pra muitas empresas”, afirmou Bolsonaro.

Fonte: Metrópoles