O Ministério da Educação nomeou o professor Valter Joviniano de Santana Filho para o cargo de reitor da Universidade Federal de Sergipe (UFS). A portaria de nomeação foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira (18) com a assinatura do ministro Milton Ribeiro e do presidente Jair Bolsonaro.

Valter Joviniano, que já atuou como gestor do campus da UFS de Lagarto e vice-reitor entre dezembro de 2019 e novembro de 2020, deverá cumprir um mandato de quatro anos. Ele já havia sido indicado pelo cargo na lista tríplice eleita em junho do ano passado, mas a escolha foi suspensa pelo Ministério da Educação, que pediu esclarecimentos em função das investigações do Ministério Público Federal (MPF) sobre supostas irregularidades no processo eleitoral.

Em fevereiro, a 1ª Câmara de Coordenação e Revisão, órgão colegiado da Procuradoria Geral da República, confirmou o arquivamento do procedimento, alegando que a denunciante não trouxe nenhum fato novo à investigação em seu recurso contra o arquivamento.

Formado em fisioterapia, o professor de 40 anos é natural de Salvador (BA). Joviniano possui mestrado e doutorado em Fisiologia pela Universidade de São Paulo (USP) e é membro da Sociedade Brasileira de Fisiologia e da Sociedade Americana de Fisiologia. Ele ingressou na UFS como professor efetivo em 2009.