Em seu 9º informe técnico, o Ministério da Saúde, através da Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS), confirmou nesta quinta-feira, 1º, que o estado de Sergipe receberá a maior quantidade de doses desde o começo da distribuição dos imunizantes, em janeiro.

De acordo com a pasta federal da Saúde, serão ao todo 81.450 doses, sendo 7.250 da (Oxford/AstraZeneca) e 74.200 da CoronaVac (Laboratório Sinovac/Instituto Butantan).

Ainda segundo o Ministério da Saúde, a chegada das vacinas está prevista para o final da tarde desta quinta, por volta das 16h50. Com essa nova remessa, Sergipe já contabiliza 399.680 doses de vacinas distribuídas pela pasta da Saúde.

Nesta leva, a vacina da AstraZeneca/Fiocruz será usada para aplicação da segunda dose em trabalhadores da saúde. Uma parte dos imunizantes do Butantan será destinado para primeira aplicação no grupo prioritário das forças de segurança e salvamento e Forças Armadas, além de idosos entre 65 e 69 anos. A outra parcela deverá ser aplicada como segunda dose em trabalhadores da saúde e idosos entre 70 e 79 anos.

O Ministério da Saúde destaca ainda que a estratégia de distribuição visa completar o esquema vacinal no tempo recomendado de cada imunizante e é revisada semanalmente em reuniões tripartites (governos federal, estaduais e municipais), observando as confirmações do cronograma de entregas por parte do Butantan e da Fiocruz, de forma a garantir a disponibilidade da segunda dose no intervalo máximo de quatro semanas e de 12 semanas, respectivamente.

Com informações do Ministério da Saúde